músicas de natal

Ouvir músicas de Natal pode te deixar louco, diz estudo

Está chegando uma das datas comemorativas mais esperadas do ano, o Natal. As casas já começam a ser decoradas e as arvores de Natal já estão sendo montadas. Os presentes também já começam a ser comprados para os familiares e amigos. Mas o que também não pode faltar no Natal? As músicas natalinas! Nesta época do ano é comum ouvirmos milhares de vezes músicas como a clássica ”Então é Natal” da cantora Simone. Mas se lhe dissessem que ouvir músicas de natal pode deixar você louco? Pois bem, é isso que sugere um recente estudo da Universidade da Groelândia.

Quer receber nossos posts em suas redes sociais? Nos acompanhe nas redes sociais FacebookInstagram, Twitter e Pinterest.

O distúrbio é conhecido como ”efeito de simples exposição”. Mas o que significa isso? Bem, quer dizer que as pessoas conseguem ter uma relação entre o número de vezes que escuta uma música e a consequência que isso pode causar após essa exposição. Ou seja, quando escutamos uma música pela primeira vez e acabamos gostando dela, a tendência é ir gostando cada vez mais até atingir um pico. Após atingir esse pico, passamos a gostar cada vez menos da música. Quem explica isso é a pesquisadora da Universidade da Groelândia, Vera Christmas. O estudo ainda revela que ouvir músicas de Natal repetitivamente podem fazer muito mal para a saúde mental de quem escuta.

A cerveja é melhor analgésico do que o paracetamol?

Mas afinal, podemos realmente ficar loucos ao ouvir músicas de Natal?

Então, o estresse pré-Natal, pode ser causado por diversos fatores, como falta de dinheiro, compras para fazer e muitas preocupaçoes no final do ano. Assim, ao escutar uma música natalina, as pessoas acabamficando ainda mais estressadas e podem sofrer de alguns distúrbios mentais ao ouvir músicas de Natal.

Se você quer se arriscar, preparamos abaixo uma das músicas de natal mais famosas de todos os tempos:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *